quarta-feira, abril 26, 2017

Os bombeiros de Chornobyl: a morte dos heróis

Nas primeiras horas de 26 de Abril de 1986, o 4º reactor da central nuclear “Lenine” de Chornobyl explodiu. Enfrentando um desastre nuclear numa escala sem precedentes, as autoridades soviéticas tentaram conter a situação, enviando milhares de homens mal preparados e mal equipados para um turbilhão radioativo.
Os bombeiros, os pilotos e tripulações de helicópteros, os condutores de camiões, os operários das limpezas e outros, mais tarde chamados de "liquidadores" do acidente, mal duraram algumas semanas (!) após a carástrofe, sofrendo mortes dolorosas e persistentes. A explosão do 4º reator da estação nuclear de Chernobyl é considerada o maior acidente da história da geração de energia nuclear. Os ucranianos marcam o 31º aniversário da tragédia de Chornobyl em 26 de abril de 2017.
Apesar de parecer a imagem de um filme apocalíptico, a foto é real, foi tirada no telhado do 4º reator
destruído, onde os níveis de radiação superavam, por centenas e até milhares de vezes, os níveis permitidos

Sem comentários: