sexta-feira, fevereiro 21, 2014

Maydan: as faces dos assassinos



Foi identificado um dos comandantes dos atiradores responsáveis pela morte dos diversos manifestantes (ocorridas nos dias 19-20.02.2014), é o coronel Serhiy I. Asavelyuk do grupo especial de operações (spetznaz) do Ministério do Interior da Ucrânia.

O seu grupo especial usa as capacetes e o fardamento negros que o distinguia claramente das outras unidade da polícia ou dos serviços secretos.

O coronel Serhiy Asavelyuk tem 43 anos, é conhecido pelo pseudónimo de “Assa”, especializa-se em ações paramilitares. Foi membro do grupo especial “Alfa” da secreta ucraniana (SBU). No setor privado foi responsável pela segurança do presidente do conselho municipal de Odessa, Eduard Y. Gurvits e do político-empresário Vladimir Kosterin (Verdes).

O grupo especial se baseia na Crimeia, como informa a página oficial do Ministério do Interior: http://www.vv.gov.ua/news.php?nid=2059

O coronel Asavelyuk está em Kyiv, no mínimo desde o dia 3.12.2013, quando foi visto nas imediações do Parlamento, à coordenar as atividades dos bandidos-titushki e da anti-Maydan. E não é precisa ser muito inteligente para saber quem tem o poder para dar ordens à uma unidade oficial do Ministério do Interior para matar os seus próprios cidadãos, escreve o blogueiro Berendakov.

Ver o coronel no YouTube:

Sem comentários: