sexta-feira, outubro 31, 2014

Execução pela fome: o desconhecido genocídio de ucranianos


Entre os dias 1 à 30 de novembro, nos Paços do Concelho da Câmara Municipal de S. Pedro do Sul (Distrito de Viseu, região Centro), decorrerá a exposição: “Execução pela fome: o desconhecido genocídio de ucranianos”, dedicada à problemática do Holodomor.

Elaborada pelo Fundação Internacional de Caridade Ukraine 3000, a exposição baseia-se, principalmente, na história oral, um método contemporâneo popular de investigação social e humanitária. Desta forma, a peculiaridade da exposição reside na circunstância de os factos das fontes de arquivo serem corroborados por evidências de sobreviventes do Holodomor, a fome planeada, executada e provocada pela alta liderança da União Soviética em 1932-1933. Toda a exposição é baseada neste princípio: qualquer informação é suportada pela evidência de uma testemunha ocular.

A exposição está dividida em quatro partes temáticas: “A Ucrânia antes da Fome”, “Causas e Razões da Fome”, “O Mecanismo da Fome” e “O Reconhecimento Global e Percepção do Holodomor”.

Organização: Câmara Municipal de S. Pedro do Sul (CM-São Pedro do Sul).
Colaboração: Associação dos Ucranianos em Portugal (www.spilka.pt)
Horário: dias úteis, das 8h30 às 17h30

Ajudar às Forças Armadas da Ucrânia

Neste momento a Associação dos Ucranianos em Portugal, organizou três pontos de recolha da ajuda humanitária para às FAU. Os contactos dos centros: em Lisboa: 967135885; Albufeira: 926 363 117 e Vila Nova de Gaia: 968 945 751.

Toda a ajuda individual financeira pode ser depositada na conta da Associação dos Ucranianos em Portugal: 0033 0000 4525 2841 4840 5 ().

Além disso, no dia 2 de novembro, às 14h00, em Lisboa decorrerá um concerto musical de angariação de fundos em apoio às FAU.

Local: Auditório Camões, Escola Secundária Camões;
Endereço e localização: rua Almirante Barroso, nº 25 – B, Lisboa; autocarros № 22, 720, 732, até a paragem «Estefânia»; estação do metro «Saldanha».

Sem comentários: