quinta-feira, maio 29, 2014

Glória aos heróis do batalhão “Donbas” (2)

O comandante do batalhão da defesa territorial “Donbas”, Semen Semenchenko, sobre a batalha de 23 de maio nos arredores da aldeia Karlivka, entre a sua unidade e o “Batalhão Vostok” (Leste) dos terroristas caucasianos (na primeira pessoa).

De manha cedo, se movendo em coluna de carros ligeiros e mini-buses, um pelotão do batalhão “Donbas” (25 pessoas) foi alvo da emboscada do “batalhão Vostok” (100 pessoas).

Armamento do batalhão “Donbas”: automático ligeiro, granadas RGD, uma espingarda de precisão. Do “batalhão Vostok”: automático ligeiro, metralhadoras pesadas, RPG, 3 BTR, grupo de atiradores.

Perfil do batalhão “Donbas”: auto-defesas civis (80% naturais da região). “Batalhão Vostok”: 80% mercenários do Cáucaso, 20% separatistas locais.

Perdas do batalhão “Donbas”: 5 morreram, 6 foram feridos, nenhum combatente foi capturado vivo. “Batalhão Vostok”: 11 morreram, 6 foram feridos.
Um dos feridos do batalhão, Bohdan Ptashnyk
Os combatentes do “Donbas” que tombaram na batalha:

1. Alcunha “Ded” (Velhote), natural de Makeevka, 60 anos, reformado, foi gravemente ferido, liquidou dois terroristas, metralhado quando preparava-se usar as suas 2 últimas granadas.
2. Alcunha “Fedor”, cidade de Donetsk, 38 anos, empresário, deixou o colete prova-de-bala aos camaradas, recebeu as garantias da assistência médica, foi assassinado, ferido e desarmado, pelo polícia da unidade “Berkut” da Crimeia. Liquidou dois e feriu dois terroristas.
3. Oleh, alcunha “Raider”, Artemovsk, 36 anos, especialista de TI. Liquidou um terrorista, foi mortalmente atingido pela granada. O seu corpo foi queimado pelos terroristas, que afirmavam se tratar de uma vítima dos ucranianos.
RIP Oleh "Raider"
4. Alcunha “Ryaboy” (Bexiguento), Donetsk, 33 anos. Liquidou um terrorista, cobriu a retirada dos camaradas, foi gravemente ferido, preservou a sua arma, morreu no hospital.
5. Mykola Volodymyrovych, alcunha “Matvey” (Mateus), 61 anos, de Zaporizhia, major na reforma militar, ex-chefe da unidade da guarda-fronteira, cobrindo a retirada dos camaradas, atrasou o avanço do inimigo, morreu em combate.

No decorrer do combate, os separatistas por diversas vezes receberam os reforços, o seu número total chegou às 300 pessoas. O batalhão “Donbas” pediu ao exército ucraniano o reforço aéreo, os blindados ou atiradores, não recebendo nada durante os 4,5h da batalha. Nenhum membro do batalhão foi capturado vivo, os que pensava-se poderiam ser capturados, ou morreram em combate ou se salvaram, conseguindo romper o cerco.
"Artur", um dos dois camaradas que rompeu o cerco separatista
Conclusão

Começou a segunda etapa da guerra. No território de Donbas se iniciou a mobilização em massa ao “exército” separatista, há entrada massificada de armas, em massa aparecem os mercenários estrangeiros. Iniciaram-se os diversos actos de selvajaria, perseguições às famílias dos líderes da resistência ucraniana, usam-se os rios de mentiras propagandistas ignóbeis.

Se queremos vencer, devemos, como dizia o clássico soviético, “aprender o ofício militar como deve ser”. Devemos passar pela sangue, sujidade, traição. Devemos construir o novo exército, polícia, SBU. Devemos criar o novo estado: moderno, forte, defendendo os seus cidadãos em qualquer parte do mundo.

O futuro é da Ucrânia.
Glória à Ucrânia!

Ajudar ao batalhão “Donbas”: http://facebook.com/teroboronaDonbass

Conta do Privatbank: 6762462680393433
WebmoneyU169209639602 (UAH); R195035739513 (RUR); E148870346025 (Euro); Z333116676379 (USD)

Perdas ucranianas da Operação Anti-Terrorista (Guarda Nacional)

Durante o decorrer da OAT (nos dias 5-24 de maio), morreram 3 soldados da Guarda Nacional da Ucrânia e 31 foram feridos, informa o Ministério do Interior ucraniano.

Soldado da GNU, Bohdan Shlemkevych
Os nomes dos que tombaram pela Pátria ucraniana: alferes Viktor Dolinsky, soldado sénior Bohdan Shlemkevych (na foto em cima) e reservista Stanislav Zinchuk. Os feridos recebem os tratamentos médicos em diversas regiões da Ucrânia, informa Espreso.tv

Sem comentários: