quinta-feira, janeiro 26, 2012

Propaganda da Ucrânia Soviética


O casal de médicos americanos, Harry e Ruth Bukwin, reuniram uma grande colecção dos cartazes da propaganda soviética do início dos anos 1930, que colectaram durante as suas viagens à URSS. Oito deles pertencem à propaganda da Ucrânia Soviética.
A maioria é dedicada ao primeiro plano quinquenal (1928 – 1932), que começou a industrialização, até hoje aproveitada pela elite dominante ucraniana. Os cartazes mostram aspectos diferentes da industrialização e da militarização da sociedade daquela época.
Diferentemente dos cartazes dos anos 1920, que pretendiam chocar visualmente as pessoas semi-analfabetas, os cartazes da década seguinte se centram mais em números e textos. O plano quinquenal centralizava até a produção e a edição da “agitação e da propaganda” – os cartazes são produzidos aos milhares e distribuídos pela toda Ucrânia Soviética.
Os cartazes da época da industrialização mostram operários jovens e fortes, que resolvem as tarefas heróicas do aumento da efectividade e da produtividade laboral. Constantemente isso é encarado como a luta militar contra Ocidente capitalista. Existem apelos concretos à juventude para se preparar à futura guerra.
Industrialização é o lado oposto da colectivização. O campo ucraniano era assassinado com os kolkhozes e com Holodomor, ao seu custo era desenvolvida a indústria pesada.
Fonte:

A colecção completa dos cartazes soviéticos reunida pelos Bukwin pode ser vista na página da  biblioteca da Universidade de Chicago. Também poderá ler o artigo sobre os Doces da Ucrânia Soviética.

Sem comentários: